E-commerce cresce 145% no primeiro semestre de 2020

e-commerce

A pandemia do novo Coronavírus está trazendo mudanças nas formas de compra e venda de produtos e serviços, com aumento significativo do e-commerce. Segundo um estudo da Nuvemshop, as vendas online cresceram 145% no primeiro semestre de 2020.

A digitalização das compras envolve os mais variados setores, como livrarias e papelarias, lojas de artigos para crianças, perfumarias e petshops, lojas de departamentos, lojas de materiais de construção, entre outros. Confira os que mais cresceram, na tabela abaixo.

Os setores que mais cresceram no e-commerce

  1. Alimentos e Bebidas – 282%
  2. Pets – 219%
  3. Presentes – 215%
  4. Casa e Jardinagem – 207%
  5. Brinquedos – 195%
  6. Roupas – 189%
  7. Joias e Bijuterias – 156%
  8. Produtos Eróticos – 132%
  9. Livros – 130%

Outra pesquisa, da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico indica que o mercado de negócios online ganhou 4 milhões de novos consumidores. O levantamento demonstra que o país registrou um aumento de 400% no número de lojas que abriram e-commerce nos meses de quarentena. Mais de 100 mil estabelecimentos aderiram ao formato.

Esses números identificam a maior aceleração do mercado de vendas online desde que se passou a acompanhar dados de negócio. Há apenas cinco anos, o e-commerce representava 2,6% do total de 28 milhões de sites no Brasil. Essa fatia aumentou para quase 9% agora em 2020, segundo dados da Big Data Corp.

Transformação exige mudança de cultura e investimento em parcerias

A transformação digital e de modelos de negócio trazem consigo necessidades a serem supridas pelas empresas, sob o risco de verem suas vendas declinarem caso não acompanhem a tendência. Além de abrir canais de venda pela internet ou implantar plataformas, é preciso olhar para a cultura da empresa e refletir o quanto ela está pensando na experiência e na necessidade do consumidor.

qr code

Essa mudança cultural do negócio é quem pode garantir crescimento estruturado, sólido e robusto. Para isso, as empresas devem ficar atentas a alguns pontos chaves, tais como:

  • Entender a jornada e a experiência do consumidor
  • Definir processos claros, verdadeiros e realistas
  • Empoderar equipes e compartilhar conhecimento
  • Investir em tecnologia e inovação
  • Apoiar-se em parcerias estratégicas e garantidoras

Sobre o último item, para quem deseja ingressar ou crescer no e-commerce precisa ter ao seu lado parceiros estratégicos e que sejam capazes de garantir o pleno funcionamento do negócio. Exemplos: plataformas de gestão, como CRM ou ERP, operadores de crédito ou finanças, fornecedores com capacidade de atendimento, entre outros.

Obviamente, quem vende pela internet deve entregar o produto, no prazo combinado e em segurança, não é mesmo? Isso é o que o consumidor também espera. Nessa hora, o que vale muito é ter como parceiro um ótimo operador logístico, que tenha expertise no ramo, que atue nas áreas pretendidas e que seja garantia de coleta e entrega das mercadorias.

Por que optar pela Plimor

Na hora de enviar mercadorias com zelo, segurança e dedicação especial, conte com a Transportadora Plimor, uma operadora logística com mais de 45 anos de experiência no mercado. Entre em contato, calcule seu frete e saiba como atuamos para coletar e entregar produtos que exigem alto cuidado, garantindo ótimos resultados para sua empresa!

plimor veículo