Curiosidades sobre o CEP: como surgiu e qual a importância

curiosidades sobre o cep

Tão comum na hora de preenchermos nosso endereço, nem paramos para pensar na importância do CEP. Código essencial para a localização, o CEP é ferramenta indispensável para o envio correto de encomendas.

O CEP e sua estrutura

Centenas de países no mundo utilizam o código de endereçamento postal, e o Brasil é um deles. Aqui, o CEP foi criado em 1971 pelo correio, com o intuito de organizar melhor as correspondências. Inicialmente, ele continha apenas cinco dígitos e, a partir de 1992, passou a ter oito.

Cada dígito do CEP corresponde a um local e a sequência deles define uma localização. Eles são separados em duas partes:

  • a primeira é composta de cinco algarismos que representam região, sub-região, setor, subsetor e divisão de subsetor.
  • a segunda é composta de três algarismos que representam identificadores de distribuição.

O CEP é uma das informações que ajudam a compor os pontos de entrega de encomendas e mercadorias. Além dele, rua ou logradouro, bairro e cidade, número e complemento (como número do apartamento ou sala) são indispensáveis.

Por que endereço correto é importante?

Quando você efetua alguma compra e vai receber algum produto, é muito importante informar corretamente o endereço, além de sempre revisar os dados, antes de confirmar. Lembre-se de colocar dados verdadeiros e não deixar campos em branco.

Preencher corretamente os formulários é a melhor maneira de garantir que as encomendas cheguem ao destino correto, um benefício para quem envia e para quem recebe o produto.



Aliás, se você for enviar alguma encomenda, também é essencial informar correta e precisamente o endereço do destinatário. Informações incompletas ou equivocadas podem gerar imprevistos na entrega da mercadoria.

Só o correio faz entregas?

É bem comum imaginarmos que transportadoras profissionais apenas atendam grandes empresas ou indústrias. Mas isso não é verdade, muitas também prestam serviços para pessoas físicas que desejam enviar alguma encomenda para outra cidade.

A Plimor, além de atender grandes empresas de e-commerce, é especializada também em coletas e entregas para pessoas físicas. Por exemplo, se você mora em uma cidade do Paraná, mas deseja enviar algo para uma cidade de Santa Catarina, é possível contratar a transportadora.

quando contratar uma transportadora 500px

O serviço de transporte de mercadorias disponível para pessoa física permite embarcar uma variedade imensa de itens. É claro que, dependendo da peculiaridade do produto a ser transportado, é importante verificar com a transportadora como proceder.

Alguns critérios que podemos adiantar é que as mercadorias a serem embarcadas por pessoa física precisam seguir algumas formatações:

– Medidas máximas: 80cm altura X 60cm largura X 90cm comprimento

– Medidas mínimas: 10cm altura X 25cm largura X 20cm comprimento

– Peso: cada volume transportado poderá ter entre 1Kg e 50Kg